2005-05-23

 

15 Minutos Comunistas

O Zero tem razão quando diz que os políticos devem juntar ponderação e noção dos limites à liberdade de opinião. Galloway, claro está, falha nesses critérios. A bem da verdade, não quis aqui dar a entender que ele seria um modelo político a seguir. Mas convenhamos que até os comunistas, incluindo os britânicos (que eu saiba as duas coisas não são incompatíveis), podem ter os seus 15 minutos de fama – merecida!

Duas razões me levaram a gostar da intervenção do Galloway que referenciei: (1) porque o que ele disse sobre a Guerra do Iraque (no excerto em causa) é verdade e (2) porque o senador Coleman, pelo seu papel nesta fantochada da investigação do programa oil for food, mereceu os tabefes. Como qualquer cambalacho internacional que se preze, o escândalo envolve muito mais do que a ONU e a França. A investigação do painel do senador Coleman foi montada apenas para o mercado eleitor americano. Mais um dos smoke screens a que esta administração já nos habituou. Veja-se aliás a forma como atacam a Newsweek por publicar, sem certeza absoluta, coisas que todos concordamos que provavelmente se fazem, e para as quais há até bastante evidência já acumulada.

Comments:

Post a Comment



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?